(84) 9 9986-1150

Menino liga para a Polícia pedindo comida: ‘não tem nada para a gente comer’

Um menino de 11 anos ligou para o 190 e surpreendeu a policial que o atendeu. A queixa da criança era a fome que ele, seus cinco irmãos e sua mãe estavam passando. O caso aconteceu em Santa Luzia, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais.

“Ô senhor policial, aqui, é por causa que aqui em casa não tem nada para a gente comer e eu tô com fome. Minha mãe só tem farinha e fubá para comer”, iniciou a criança.

Quem ligou foi Miguel, de 11 anos, que mora com a mãe Célia Arquimino Barros, de 46 anos. O menino afirmou que ver a mãe chorando foi a motivação para entrar em contato com a polícia.

Célia Arquimino cuida de seis filhos com o auxílio emergencial que recebe e R$ 250, quando o pai manda por mês.

Uma guarnição da Polícia Militar foi à casa deles e disse que vai ajudar a família, contando com cestas básicas e outras doações da comunidade ao batalhão.

Com informações da Tribuna do Norte

Postado em 4 de agosto de 2022 - 7:06h