Passageiro é retirado de avião após denúncia de agressão contra mulher em Natal

Um passageiro de um voo da Gol foi retirado do avião, no Aeroporto de Natal, após uma denúncia de agressão contra a própria esposa, na madrugada de domingo (28).

Outros passageiros que estavam na aeronave filmaram o momento em que o homem discute com os comissários de bordo, buscando permanecer no avião. As imagens repercutiram nas redes sociais.

“Ela me falou que o senhor está agredindo ela e que o senhor está alcoolizado”, afirma uma comissária ao passageiro. O homem tenta argumentar, mas acaba sendo retirado do avião.

Em nota, a GOL informou que, “antes da decolagem do voo G3 9011 (Natal-Congonhas), desembarcou um passageiro após relato de uma possível agressão física sofrida por uma Cliente que também estava à bordo”.

A companhia ainda afirmou que se colocou à disposição da cliente para auxiliar no registro da ocorrência e que “todas as ações adotada pela equipe de tripulantes foram tomadas com foco na segurança”.

“Após a ocorrência, o voo seguiu viagem e a aeronave pousou no Aeroporto de Congonhas, na manhã deste domingo, 28”, informou a empresa.

Procurada, a Polícia Federal informou que o homem não ficou preso. A passageira seguiu viagem no avião.

Fonte: g1 RN