(84) 9 9986-1150

Homem que mantinha criança refém na casa da ex-companheira é morto pela polícia

O homem que invadiu a casa da ex-companheira, na noite de quarta-feira (21), e fez dois reféns, acabou morto pela polícia na manhã desta quinta-feira (22), em Belo Horizonte, capital mineira. A criança, de 7 anos, e o amigo da família, de 23, que estavam presos, sob a mira de um revólver, foram liberados após 15 horas de terror.

Na madrugada desta quinta-feira (22), a mulher, de 25 anos, mãe da criança, conseguiu escapar com a ajuda de um vizinho. Quando o ex chegou ao local, ela estava acompanhada do amigo da família. O rapaz foi rendido por Leandro Mendes, 39 anos, o sequestrador morto por um sniper nesta manhã. Ele era ex-padrasto da criança.

O menino de 7 anos tem autismo e sofre de epilepsia, segundo familiares informaram à imprensa local. Ele foi feito refém dentro de casa, no bairro Parque São João, na região Norte de Belo Horizonte.

O homem invadiu a casa às 18h de quarta-feira (21). Policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) cercaram o local logo depois e negociaram a liberação das vítimas, sem sucesso.

Primos, Leandro e a mãe do garoto teriam se separado há dois anos. O homem, porém, não teria se conformado com o fim do relacionamento, segundo testemunhas. Ele tinha passagem pela polícia por matar uma outra ex-companheira e estava em liberdade condicional.

Com informações do Metrópoles

Postado em 22 de setembro de 2022 - 12:40h